O escritório Reis Advogados estava bastante consolidado em Bebedouro quanto decidimos estrategicamente ampliar nossa presença no mercado. Para isso, o caminho natural era implantar unidades em outros centros urbanos.

Primeiro, no Estado de São Paulo, depois expandindo para Rio de Janeiro e Minas Gerais. Então, instalamos uma unidade em Campinas. Na sequência, montamos a filial de Ribeirão Preto. 

Depois de nossa sede em Bebedouro, é a unidade com maior número de profissionais no escritório. Ribeirão e Bebedouro têm em comum mais do que a proximidade geográfica.

Suas origens foram similares, tendo o café como principal fonte de riqueza até o início do século 20. Depois seguiram caminhos próprios. Bebedouro se tornou a “capital da laranja”, embora a cana hoje ocupe muitas áreas de antigos laranjais. Ribeirão manteve parte da base rural, também com canaviais substituindo cafezais de outrora, porém lá a industrialização ganhou espaço e hoje o setor de serviços é sua maior força.

Tornou-se uma metrópole em torno da qual gravitam mais de 30 municípios. Mas o principal fator de nosso crescimento nas cidades onde atuamos foram as pessoas, formadas e especializadas nas boas escolas superiores locais.

Isso nos permitiu montar uma equipe com excelentes profissionais, muitos dos quais aprenderam e aperfeiçoaram conosco técnicas e procedimentos negociais que têm mantido nosso escritório em posição de destaque. 

Ao revisitar essa história de mais de cinco décadas, sinto reforçada a convicção de que crescer não é um objetivo, mas uma consequência. É resultado da boa prestação de serviços. E servir bem, solucionar problemas, não é apenas nossa missão diária, mas nosso propósito, o porquê de nossa existência.

Desse modo, temos contribuído para o desenvolvimento humano de cada localidade onde atuamos.

Leia também