Portais repercutem vitória do Reis Advogados

Não é do banco a responsabilidade de cliente ter caído em golpe do WhatsApp e pagado boleto falso. Assim decidiu a 23ª câmara de Direito Privado do TJ/SP ao registrar a necessidade de o cliente tomar as cautelas necessárias para evitar esse episódio.

A instituição financeira foi defendida pelo escritório Reis Advogados (SP).

Veja a repercussão do caso:

https://www.migalhas.com.br/quentes/357379/banco-nao-indenizara-cliente-que-pagou-boleto-falso

https://www.direitonews.com.br/2021/12/cliente-recebeu-boleto-falso-whatsapp-indenizado.html